Meio ambiente e autismo

O meio ambiente tem um papel importante. Péptidos da dieta (gliadina, caseina), toxinas bacterianas (estreptoquinase) e xenobióticos (etilmercúrio ou Timerosal) ligam-se a receptores dos linfocitos e/ou a enzimas dos tecidos, resultando em reacções autoimunes em crianças com autismo.

Fonte:

  Infections, toxic chemicals and dietary peptides binding to lymphocyte receptors and tissue enzymes are major instigators of autoimmunity in autism.

            Vojdani A, Pangborn JB, Vojdani E, Cooper EL
Int J Immunopathol Pharmacol ; 16(3) :189-9

                Afiliação
Lab. Comparative Immunology, Dept. Neurobiology, UCLA Medical Center, Los Angeles, CA, USA. DrAri@msn.com

 

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: